.comment-link {margin-left:.6em;}

terça-feira, fevereiro 15, 2005

E quando são os Padres a dizer ???

D. Januário:

«Não tenho nada que julgar, mas não sei se perante estes factos concretos podemos fazer o exercício da respeitabilidade de vida de toda e qualquer pessoa e ao mesmo tempo a não utilização de instrumentalização numa semana que é muito positiva do ponto de vista de votação nacional», afirmou D. Januário à emissora, acrescentando que não é preciso suspender a campanha para mostrar respeito pela vidente de Fátima.

D. Manuel Martins:

«Não fiquei nada contente nem convencido da sinceridade no tocante à suspensão de actividades políticas», afirmou D. Manuel Martins à TSF, defendendo que «a campanha eleitoral devia continuar».
«Estas campanhas são ou não para elucidar o povo português?», perguntou o bispo, acrescentando que os programas eleitorais deveriam continuar uma vez que ajudam a descobrir os caminhos certos para uma sociedade melhor».

«Uma coisa não tem nada a ver com a outra. A campanha devia continuar», rematou D. Manuel Martins.

1 Comments:

At 3:17 da tarde, Blogger Ricardo said...

É ridículo ver Santana Lopes num comício a rodar as suas personagens, ora sou presidente do PSd e suspendemos a campanha, ora sou Primeiro Ministro e declaro luto nacional. E Paulo Portas com o seu ar de Estado como se tivesse sido a bandeira nacional que tivesse morrido... ridículo!

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home