.comment-link {margin-left:.6em;}

sexta-feira, fevereiro 11, 2005

Implosão do Sistema... (discussão no Condottieri)

Tenho seguido, com a atenção que merece, a discussão sobre a "implosão do sistema", considerada necessária e inevitável, por uns, e perigosa e demagógica por outros, nesse blog. Sem querer "meter a foice em ceara alheia", quero só fazer uns esclarecimentos. Diz, Nemesis :

.
Pois é, não é uma metodologia ciêntífica, mas é uma possibilidade. Aliás, pouco, ou quase nada, é metodologia ciêntífica na "nossa", muito recente, Ciência Política. Mas, quando Nemesis diz:


Já não posso concordar, porque a apresentação de passos, ideias, soluções, é sempre necessária numa discussão sobre um tema como este, com a importância civizacional que possui. Absurdo, na minha opinião, será não o fazer, porque corre o risco, de se tornar uma análise inócua, e quase anárquica.
Lembro Nemesis, que as implosões de sistema que conhecemos, até aos nossos dias, foram, todas, sem excepção, conduzidas/concretizadas em bases e projectos de substituição sólidos.
Depois, afirma Nemesis:

.
Aqui, perde a razão... Então não a defende, apenas afirma que é inevitável. Nemesis, esta tua afirmação peca por ser uma análise à Nostradamus. Além de ser, na minha opinião, uma profecia, é também e apenas uma possível conjuntura, não uma inevitabilidade.
Garcia Pereira, porpõe-a, não a considera inevitável, considera-a necessária (e aponta caminhos).
.
.
De facto a Sociedade Civil em Portugal tem pontos fracos, de acordo. Foi o poder político que a castrou nos últimos 30 anos, duvido. Duvido porque, acho que não são 30 anos de Democracia Liberal que castram a sociedade civil, parece-me muito mais lógico, que tenham sido quase 50 anos (1926 a 1974) de falta de liberdade, falta de democracia, falta de educação, falta de abertura e, principalmente de repressão e clientelismo.
Depois, aborda a questão das ex-repúblicas soviéticas (não são ex-províncias), dizendo que são sociedades fechadas à informação (claro, eram ditaduras) e que são maioritariamente analfabetas. Demonstra ignorância neste particular, já que o grau de Alfabetismo nas Repúblicas da ex-URSS, era e é elevadíssimo e qualificadíssimo.
Não há, assim, qualquer similaridade e qualquer comparação torna-se perniciosa.
.
.
Nemesis, as tuas declarações são perigosas, não porque têm legitimidade, mas sim porque são perniciosas, baseadas em "factos" muito discutíveis, e porque não se baseiam, em nada senão na tua percepção de realidade. Percepção essa que consegue, por incrível que pareça, roçar o anárquico, já que, a implosão de sistema, tal como a preconizas, por si só e, inevitável, é uma posição e visão Anárquica, do mundo e respectivos sistemas de organização social e política.
.
.
Nemesis, num tom professoral, te digo: o 25 de Abril, a sua ideia e os seus valores (Liberdade, Democracia e Parlamentarismo) são intemporais e estes não são exclusivos da Revolução de Abril, como se constata na Revolução Francesa, na Revolução Americana e nas revoluções nas ex-Repúblicas Soviéticas.
Chamar golpe de estado à Revolução de Abril, é além do mais, uma irresponsabilidade, já que preconiza a ideia de que tudo está na mesma...E que tudo gira sobre a mesma lógica de poder, baseada na mesma Constituição e nos mesmos valores...
E não está, mudou, e para melhor... se calhar ainda não está como queremos, mas terás de convir que 30 anos para uma Democracia, é MUITO POUCO.
Antes de defender "implosões de sistema" acho que devias de trabalhar para a consolidação e aperfeiçoamento da Democracia jovem em que vivemos....

3 Comments:

At 6:59 da tarde, Blogger Nemesis said...

Ainda bem que a discussão está a ser viva e a mexer com as sensibilidades de cada um!
Também vais ser merecedor de um post no CONDOTTIERI, não prometo é que seja hoje.
Parece que o Eng. Sócrates andou em maroscas de terrenos, no caso "freeport", e trabalho é o que não me falta!!!!
A resposta não está esquecida!

Um abraço

Nemesis

 
At 11:08 da tarde, Blogger O Homem das Ilhas said...

Aguardando ansiosamente.....

 
At 6:38 da tarde, Blogger Nemesis said...

Já a tens.
Abraço

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home